Fundação Pedro Calmon

14/03/2017 16:40

Conferência Internacional "Dinheiro e poder na era do tráfico: escravidão e outros laõs econômicos entre África e Brasil"

Conferência Internacional Nos dias 15 a 17 de março de 2017, o Pavilhão de Aulas da Federação, será o local da conferência internacional “Dinheiro e poder na era do tráfico: escravidão e outros laços econômicos entre África e Brasil”, organizada juntamente por dois grandes historiadores da África e da diáspora africana/escravidão, Toby Green – King’s College London e João José Reis da Universidade Federal da Bahia.

A proposta do evento é discutir os debates atuais sobre as relações África-Brasil no período do tráfico transatlântico de escravos, no nível social e particularmente no âmbito das dinâmicas econômicas entre as duas margens do Atlântico. Serão abordados aspectos estruturais das relações entre as duas áreas do Atlântico, tanto de uma perspetiva macro quanto micro-histórica.

Especialistas nacionais e internacionais como Luiz Felipe de Alencastro (LF de Alencastro), Mariana Candido (University of Notre Dame, USA), Paulo Farias (University of Birmingham), Jose Lingna Nafafe (University of Bristol, Reino Unido), José C. Curto (York University, Canada), Lisa Earl Castillo (Unicamp), Cândido Domingues (UNEB/UNL, Portugal), Mariza Soares (UFF), Jaime Rodrigues (UNIFESP), Joseph Miller (University of Virginia, USA), Luis Nicolau Parés (UFBA), Mary Hicks (Armhest College, USA), Carlos Cardoso (INEP, Guiné Bissau), Kristin Mann (Emory University, USA) estarão nas mesas ao longo dos três dias de evento.

A organização do evento é fruto da atuação do professor Carlos Silva Júnior, associado do King’s College London (Reino Unido) e vinculado ao Grupo de Pesquisa “Escravidão e Invenção da Liberdade”, do Programa de Pós-Graduação em História da UFBA, e conta com o apoio da Fundação Pedro Calmon/ SecultBa. A atividade é aberta à participação de interessados.

A programação completa, com todos os horários podem ser consultados aqui.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.