Bibliotecas

08/08/2017 14:31

Sambista Dona Dalva será a próxima homenageada nos Perfis Femininos Baianos na Biblioteca Virtual Consuelo Pondé

Sambista Dona Dalva será a próxima homenageada nos Perfis Femininos Baianos na Biblioteca Virtual Consuelo Pondé

Foto: Divulgação

Nascida em Cachoeira, a compositora e cantora, líder do Grupo de Samba de Roda Suerdieck e integrante da Irmandade da Boa Morte, Dona Dalva Damiana de Freitas, será homenageada pela Biblioteca Virtual Consuelo Pondé com a exposição “Dona Dalva: de charuteira a Sambarista”.

A exposição estará disponível no sítio da unidade que é vinculada à Fundação Pedro Calmon/SecultBA na próxima terça-feira (15), e busca mostrar a vida trabalhista e a artística de Dona Dalva, desde a fundação do grupo musical até se tornar a primeira mulher cachoeirana a receber o título de Doutora Honoris Causa pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) em 2012.

A ação integra a exposição virtual Perfis Femininos Baianos que busca evidenciar as personalidades femininas que contribuíram com a história baiana nos mais diversos campos como a ciência, educação, cultural, política, artes e religião. O projeto integra a programação do Março Mulher e se estende por todo o ano.

Perfil - Mãe de cinco filhos, Dona Dalva começou a trabalhar aos 14 anos na Fábrica de Charutos Suerdieck, na região de Cachoeira, quando começou a compor e organizar seus primeiros grupos de samba de roda. Em 1961, fundou o Grupo de Samba de Roda Suerdieck.

Seu grupo teve importante papel para que o Samba de Roda do Recôncavo da Bahia fosse tombado pelo Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) como Patrimônio Imaterial Nacional em 2004, e um ano depois, reconhecido pela Unesco como Patrimônio Imaterial da Humanidade.

Sistema - As bibliotecas públicas integram o Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas, gerido pela Fundação Pedro Calmon – Secretaria de Cultura do Estado (FPC/SecultBA). O Sistema é composto por seis bibliotecas públicas estaduais localizadas em Salvador, sendo uma delas a Biblioteca de Extensão com duas unidades móveis, uma no município de Itaparica e uma biblioteca virtual especializada na história da Bahia (Biblioteca Virtual Consuelo Pondé). O Sistema também presta assistência técnica para mais de 450 bibliotecas municipais, comunitárias e pontos de leitura, além de cursos de capacitação para os funcionários destas unidades.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.